Bento Gonçalves além das vinícolas

É só escutar sobre Bento Gonçalves (RS) e a pessoa já pensa logo em vinícolas e vinhos. Muitos vinhos bebidos em incontáveis degustações. Mas essa cidadezinha que fica a 124 km de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, abriga um monte de lugares legais para degustar muito mais que a bebida preferida de Baco (ou Dionísio). E aqui vão alguns dos cantinhos que visitamos e amamos.

Bem ali no Vale dos Vinhedos, uma pequena casinha  de madeira chama atenção por não servir vinho, imaginem só! 

 Ao entrar na loja a pessoa fica fascinada com a decoração que lembra casa de vó e se embreaga com o cheiro gostoso de biscoito quentinho saindo do forno.   

 São mais de 15 sabores doces e salgados gentilmente oferecidos para degustação gratuita. No subsolo é possível conhecer a fábrica onde diariamente se fabricam artesanalmente mais de 30kg de deliciosos biscoitinhos. Difícil mesmo é sair de lá com só um pacotinho de biscoito. 

Ainda no Vale dos Vinhedos a deslicatessen do grupo Casa Valduga produz geleias, vinagres balsâmicos à base de vinho, suco de uva, e antepastos.  

A degustação gratuita acontece no balcão. Eu já conhecia a marca, mas não imaginava a variedade de sabores de geléias. Uma mais gostosa que a outra. Os balsâmicos saborizados foram uma deliciosa surpresa. São tão gostosos que comemos de colher. O suco de uva, como era de se esperar, é fantástico!   

Nunca imaginei que dava para fazer tanta coisa com tomate! 

 No começo do Caminho das Pedras a propriedade é uma das primeiras. Além de receber uma explicação sobre o roteiro local, como ele foi concebido e como funciona, você ainda tem uma aula de história emocionante de como os imigrantes italianos chegaram na Serra Gaúcha e as dificuldades que enfrentaram por lá.  

 
Depois você pode se preparar para degustar  uma quantidade de produtos feitos com tomate que vão te surpreender. A princípio você deveria pagar R$ 2,00 para degustação, mas caso compre algo, ele é descontado. São molhos, pestos, geléias e cervejas inusitadas, além de uma receita antiga de refrigerante natural feito com outras frutas da região. 

A propriedade ainda tem uma cantina italiana para quem quiser almoçar uma boa e tradicional pasta!

Além de saborear vários produtos feitos com leite de ovelha, o Parque das Ovelhas oferece ainda uma série de atividades em horários distintos durante o dia. Tanto a degustação como os outros programas são pagos.

  
Você pode ver a amamentação dos cordeiros, acompanhar o pastoreio das ovelhas, presenciar a ordenha e ainda assistir ao grande rebanho (no fim do dia). Tudo com muitas ovelhas fofas e cachorrinhos ajudando. 

Quanto aos produtinhos degustados, votei para casa com algumas pecinhas de queijo. Eles não têm lactose e a intolerante aqui ficou muito empolgada com isso! 

Anúncios